quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Leviatã


Segundo o School Library Journal, "Um mundo imaginário brilhantemente construído. Repleto de acção imparável, vai ser um clássico."


Em "Leviatã", de Scott Westerfeld, os países à beira da I Guerra Mundial começam a preparar-se. Enquanto os austro-húngaros e os germânicos possuem máquinas de ferro a vapor munidas de armas (clankers), os darwinistas britânicos preparam as suas bestas resultantes do cruzamento de vários animais.
O Leviatã é uma baleia-dirigível e o animal mais imponente que se pode ver nos céus da Europa.
Alek (Alekxander Ferdinand), príncipe do império Austro-Húngaro, está em fuga depois do seu próprio povo lhe ter virado as costas e tudo o que tem é um marchador (uma máquina de guerra), com uma tripulação que lhe é leal. Deryn (Deryn Sharp) é do povo, uma britânica disfarçada de rapaz que se alista na Força Aérea para lutar pela sua causa – enquanto tenta proteger o seu segredo a todo o custo.


É uma obra escrita no género steampunk (ficção científica ou ficção especulativa), “que ganhou fulgor no final dos anos 1980, ilustrada por Keith Thompson.
Autor nº1 de vendas do New York Times. Vencedor do Prémio Locus 2010 de ficção juvenil.
Enviar um comentário